Resenha: Um lugar bem longe daqui de Delia owens

6 de mai. de 2021

Olá queridos amigos leitores! A dica de hoje é um livro emocionante e surpreendente se você for julgar pela capa, já que eu não imaginava nada do que teríamos nessa trama.
Ganhei de presente esse livro de um amigo, e depois que comecei, devorei ele em um dia sem desgrudar até finalizar.

Nesta obra conhecemos Kya, uma garotinha , que ainda com seus sete anos, foi abandonada pela mãe, e depois sucessivamemte pelos irmãos e por fim por seu pai. Ela cresce sozinha no pântano tendo a ajuda de alguns poucos conhecidos, e vendendo mariscos para se sustentar.
Mas o amor e as desilusões amorosas vão atrás de você mesmo se você for a "menina do brejo".
Enquanto isso, no futuro sabemos que uma pessoa chamada Chase foi morta empurrada de uma torre e que tudo indica que Kya foi a autora do crime.
Alternando futuro e presente vamos acompanhando o julgamento de Kya e sua vida antes daquele momento.

A trama se passa em 1952 a 1969, e nos mostra uma cidadezinha cheia de preconceitos e fofocas e como isso acarreta problemas emocionais para uma criança que já havia sido abandonada por quem deveria cuidar dela.

Destaque para Tate que mesmo cometendo erros é aquele mocinho que a gente ama, delicado e dedicado, fofo e leitor.

A história da protagonista é muito triste, e em dados momentos acabei temendo pelo pior, mas a narrativa não é triste a ponto de conter gatilhos fortes ou algo assim, apesar de conter uma cena de tentativa de violência sexual.

Um lugar bem longe daqui tem muitas referências a literatura e poetas clássicos e nos traz uma reflexão sobre a importância do apoio familiar, e das amizades verdadeiras. Além, é claro, da importância de um bom advogado.

Pretendo ler outros livros da autora, pois conhecia apenas esse de nome, mas me encantei com a escrita dela.

Um lugar bem longe daqui está disponível em formato físico e digital em livrarias e lojas do ramo.

#umlugarbemlongedaqui #deliaowens #wherethecrawdadssing #intrinseca #editoraintrinseca

Leia mais

Resenha: A Pele da Alma de Marcello Mello


Olá queridos amigos leitores! Vocês já abandonaram um livro bem escrito e emocionante apenas por não conseguir lidar com o sofrimento do protagonista?
Sofri tanto com a protagonista desse livro que na metade dele não consegui continuar de tão  mal que fiquei . 
Geralmente personagens Trans e suas lutas fazem isso comigo, mas dessa vez a menina sofreu tanto, mas tanto  que eu fiquei perturbada com a leitura, mesmo assim vim indicar para vocês porque é um livro incrível. 

🏳️‍🌈📖 "É estranho quando penso em quantas pessoas cruzam o nosso caminho, todos os dias, e permitimos que as nossas inseguranças e preconceitos nos impeçam de conhecê-las de verdade."

Neste livro conhecemos uma garota que nasceu em um corpo de menino, ela percebe isso desde sempre, mas seu pai tem a certeza disso quando a vê vestindo um dos vestidos que sua mãe confecciona.
O pai culpa a mãe por ter feito ela querer ser menina e eles brigam tanto que o pai acaba abandonando a família, fazendo com que eles fossem morar com um primo distante. Na casa do primo distante ela precisará começar a frequentar a escola e conhecer perigos que ela jamais imaginou existirem tão perto de si.

🏳️‍🌈📖" Eu me preocupava muito mais com ela do que ela se importava comigo, mas eu não sabia mais o que fazer."

Como eu disse anteriormente o livro é muito bom, mas toca em questões que podem ser gatilhos, e não só para pessoas trans, já que eu estou no chão. 

A trama traz acontecimentos e reflexões sobre estupro, pedofilia,depressão,  idoneidade de profissionais da medicina, preconceito sexual e de raça, e sobre a morte diária de homens e mulheres trans apenas por existirem.

Um dos momentos emocionantes da trama é quando a protagonista encontra a primeira mulher  trans em sua vida, e percebe que  isso que ela é.

Acredito e indico esse livro pois sei da importância de livros assim , até para uma conscientização maior das pessoas, mas recomendo que leiam em um momento que estejam bem, pois ele é pesado e qualquer pessoa com o mínimo de empatia se afetará pela narrativa.

Dito isto,  A pele da Alma encontra-se disponível em formato digital pela Amazon e Kindle Unlimited. 

#trans #transfobia #homofobia
Leia mais

Resenha : Plano 32 de Mônica Nunes

2 de mai. de 2021

Olá queridos amigos leitores! Sabe aquele livro que você começa a ler e não consegue largar mais? Que toca em assuntos importantes e aciona alguns gatilhos seus que estavam quietinhos no cantinho do coração? Plano 32 fez isso e muito mais comigo.

📖🌻 "É possível voltar a ter catorze anos apenas por causa de um toque?"

Júlia é uma mulher presa em um relacionamento violento e abusivo, que já tentou várias fugas, e não consegue ir embora com as duas filhas.
Em sua última tentativa ela conseguiu sair levando apenas uma das meninas, agora ela terá que visitar pessoas que magoou no passado para pedir ajuda para resgatar sua filha mais velha que está ainda sob a guarda de seu carrasco.

📖🌻 " Eu era a única pessoa que o magoava, porque ninguém pode nos machucar tanto quanto a pessoa que mais amamos."

Com seriedade e responsabilidade para tratar de um assunto tão delicado, a autora nos traz uma trama bonita e emocionante, que fala de perdão, amores que perduram, amizades verdadeiras, sem deixar de fazer o alerta necessário para todas as meninas e mulheres.

Plano 32 nos mostra  que o agressor de uma mulher pode estar acima de todas as suspeitas, e que muitas vezes não é apenas a questão financeira que impede uma mulher de denunciar a violência que sofre.

Júlia também nos faz refletir sobre a responsabilidade afetiva dos pais e mães com os filhos e a importância da familia estruturada, mesmo que não tradicional.
E principalmente que a família não precisa  ser de sangue, mas aquela que nos permitimos escolher. 

Me identifiquei muito com Paulo, seus medos e incertezas, e sua vontade de ajudar mesmo que abdicando de seu sentimento para que o outro fosse feliz.

Plano 32 foi uma grata surpresa e pretendo ler mais livros da autora em breve.

Este e outros livros da autora encontram-se disponíveis em formato digital pela Amazon e Kindle Unlimited. 


Leia mais

Resenha : Imaginável Rebeca de Rogério Rodrigues

30 de abr. de 2021


Olá queridos amigos leitores! No mês de maio iniciaremos a leitura de Imaginável Rebeca no clube do nacional (um grupo de leitura coletiva em que lemos um livro nacional por mês e debatemos), e é claro que a fominha aqui já foi lá e devorou o livro antecipadamente, e vim contar para vocês o que achei da leitura.

Em Imaginável Rebeca, conhecemos Ana uma moça esforçada e trabalhadora que toda quinta feira faz uso de um Uber para voltar para casa, Justino o Uber que a atende, é um homem em crise no casamento, e que acaba desabafando com ela toda semana. 
Só que Ana começa a nutrir um sentimento pelo homem (que ela descobre ser um tremendo mulherengo) e sem coragem de falar sobre seus sentimentos, se faz passar  por Rebeca e através de mensagem, começa a conversar com ele.
Justino rapidamente se conecta com Rebeca o que faz com que Ana fique enciumada e dê um basta na própria farsa.
Mas essa mentira terá um alto custo para Ana pois a vida (ou as rivais) sempre cobram a conta.

Imaginável Rebeca é uma história muito interessante sobre como somos capazes de se anular por amor, ficando cegos as pessoas que realmente nos amam pra servir de capacho para os que nos desprezam. 

A trama também nos faz refletir sobre até que ponto o amor é apenas amor, e quando vira uma obsessão desvairada que faz com que quebremos nosso próprio código de moral e conduta.

Foi impossível não  pensar em quantos Justinos conhecemos na vida, e como esse personagem é real na vida de muitas pessoas.

O final foi bem fora do que imaginei, mas de acordo com a trama e bem verossímil. 

Imaginável Rebeca é uma leitura rápida e instigante que você pode fazer em um dia.

Para adquirir este livro entre em contato direto com o autor.
Leia mais

Resenha: O Zeitgeist de S P Anderson

25 de abr. de 2021


Olá queridos amigos leitores! Essa semana conheci esse livro através do próprio autor que é meu conterrâneo, e vim dividir minhas impressões sobre ele com vocês. 

🤔👀"Estamos sempre fugindo de algo, não? Faz quanto tempo desde a última vez que estive aqui?"

Quando um Francês deserta de um campo de batalha e vai parar no Zeitgeist (um bar secreto onde pessoas de todos ps tempos e lugares se encontram) ele não imagina o que está por vir, pois a clientela do Zeitgeist inclui pessoas, e criaturas sem fim, das mais piradas até as mais sábias, todas se encontram naquele lugar.

🤔👀 "A magia é algo que tentamos manter escondida das pessoas normais por motivos óbvios."

Quando comecei a leitura imaginava que seria apenas um livro de fantasia, com elementos fantásticos, mas nada surpreendente, e como eu estava errada!
Mais do que pessoas que literalmente tem o poder de viajar pelos livros, ou criaturas do nosso inconsciente coletivo, o autor nos fala das questões de personagens cinzas, das reflexões sobre o bem e o mal serem relativas, e desafia as certezas que temos em nosso interior.

Tudo isso sem tornar a leitura cansativa, pelo contrário o Francês, Théo e Miguel são personagens cativantes que nos fazem querer saber muito mais sobre eles e também fazem desejar que a leitura não acabe.

É muito difícil falar dessas crônicas, interligadas entre si, sem estragar a leitura, só digo a vocês que recomendo muito e que é uma leitura inteligentissima e super válida. 

O Zeitgeist está disponível em formato digital pela Amazon e Kindle Unlimited. 

#zeitgeist
Leia mais

Resenha : Contos de um Cotidiano Possível de José Waeny


Olá queridos amigos leitores! Vocês gostam de livros de contos? A dica de hoje é um livro de autoria de @josewaeny , autor que eu indico muito aqui, pois venho lendo bastante obras interessantes dele.

Nessa coletânea de contos, encontramos contos sobre infância, espiritualidade, luto, morte, e traições que podem mudar o rumo de todo uma vida.

Cada conto tem uma incrível capacidade de nos conectar com o protagonista em poucas páginas, como em um deles em que um homem que teve uma noite muito louca entre os hippies, descobre agora depois de muitos anos, ser pai de uma criança gerada naquela noite.

Gostei de todos os contos, mas um dos que me chamou mais a atenção, foi o de um garotinho com atitudes estranhas que parecem ser uma mediunidade, desacreditada pela mãe, mas inquietante para a avó, o final desse conto me surpreendeu muito!

Em outro conto, um pai, agora idoso recebe seus filhos um a um para se despedir, pois ele decidiu que morreria em breve. Cada filho traz uma reflexão sobre sua vida e os amores que a vida lhe roubou.

Recomendo esses contos para quem gosta de leituras mais curtas sem deixarem de ser envolventes. 

Contos de um Cotidiano Possível está disponível em formato digital pela Amazon e Kindle Unlimited. 

#livrosdecontos #euleiocontos 
Leia mais